• Visualizações 732

Ministro da Educação diz que regulamentação da Lei de Cotas deve sair até quarta-feira

Universidades públicas federais e os institutos técnicos federais devem reservar, no mínimo, 50% das vagas para quem tenha cursado o ensino médio em escolas da rede pública.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse nesta terça-feira, dia 09, que a regulamentação da Lei de Cotas, sancionada no fim de agosto, deve sair até esta quarta-feira, dia 10, e que as universidades terão que adaptar seus cronogramas para que a lei entre em vigor no começo de 2013.

A lei prevê que as universidades públicas federais e os institutos técnicos federais reservem, no mínimo, 50% das vagas para estudantes que tenham cursado todo o ensino médio em escolas da rede pública, com distribuição proporcional das vagas entre negros, pardos e indígenas.

“Vamos tentar de hoje para amanhã. As universidades que já publicaram seus editais terão que fazer ajustes. A lei terá que ser rigorosamente cumprida”, disse Mercadante, antes de participar da reunião de trabalho entre a presidenta Dilma Rousseff e o presidente da Irlanda, Michael Higgins, que está em visita oficial ao Brasil.

O decreto vai detalhar as regras  e o cronograma de implementação do novo sistema de distribuição de vagas no sistema federal de ensino superior. As universidades e institutos federais terão quatro anos para implantar progressivamente o percentual de reserva de vagas estabelecido pela lei, mesmo as que já adotam algum tipo de sistema afirmativo na seleção de estudantes.

A regulamentação também deverá criar mecanismos para compensar eventuais diferenças entre alunos que ingressaram pelas cotas e os egressos do sistema universal, como aulas de reforço.

Informações de Agência Brasil

FOTO: ilustrativa / ultimosegundo

Compartilhar

Exposição e seminário debatem sobre crianças e comunicação

Avançar »

MEC divulga locais de prova do Enem na internet a partir de segunda-feira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*