• Visualizações 524

De Novo Hamburgo para o mundo: estudantes da Liberato apresentam projeto nos Estados Unidos

Temas dos projetos são avaliação de risco em instalações elétricas residenciais e monitoração de raios ultravioletas. Em 2011, estudantes da instituição ganharam menção honrosa.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Uma olimpíada em Houston, nos Estados Unidos, que reúne projetos inovadores nas áreas de energia, engenharia e meio ambiente, contará neste ano com os trabalhos de dois estudantes da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, de Novo Hamburgo.

A I-Sweeep 2012 – International Sustainable World (Energy, Engineering & Environment) Project Olympiad começa nesta quinta-feira, dia 03, e se estende até o domingo, 06. A I-Sweeep é organizada pela Fundação Cosmos, uma organização educacional sem fins lucrativos.

Mirella Zambelli apresenta o projeto ARIES – Avaliação de Risco em Instalações Elétricas Residenciais, cuja proposta é apontar os riscos presentes em circuitos elétricos residenciais. O trabalho é orientado pelo professor Jorge Luiz Ferreira. Já Douglas Felipe Johann expõe o projeto DMRU – Dispositivos de Monitoração de Raios Ultravioletas. A ideia é que, através desse dispositivo, o usuário saiba como se proteger adequadamente em caso de exposição ao sol, com a medição da intensidade de radiação ultravioleta incidente e informa ao usuário quanto tempo o mesmo pode ficar exposto sem que haja danos à saúde. O orientador é o professor Carlos Eduardo Presa D’Avila.

Os projetos participam do evento através do credenciamento obtido na Mostratec do ano passado, quando receberam o Prêmio CEEE de Inovação Tecnológica. No ano passado, estudantes da Liberato conquistaram uma menção honrosa na I-Sweeep, quando a olimpíada contou com 440 projetos de 70 países.

Informações de Imprensa Liberato

FOTO: divulgação / Liberato

Compartilhar

Novo Hamburgo: Feevale e Senac-NH terão representantes no Prêmio Festimalha

Avançar »

Supremo Tribunal Federal decide que ProUni é constitucional

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*