• Visualizações 229

Em meio à crise, estratégias que inspiram

Selo1

 

 

Da Redação Calçados S/A:  www.calcadossa.com.br (Siga no Facebook)

Por Camila Veiga

Há algum tempo, o termo “resiliência” ganhou notoriedade. Foi tema de palestras, de artigos, de livros. A capacidade de se recuperar após uma adversidade não é fato novo para a indústria e o varejo de calçados. Mas ainda não havíamos sofrido algo como os impactos da pandemia que causa uma verdadeira revolução mundial.

Hoje, com as esteiras produtivas paradas e lojas de portas fechadas, com funcionários, familiares e clientes em isolamento social como medida de prevenção e combate ao novo coronavírus, os empresários do setor coureiro-calçadista deparam-se com a necessidade de um extremo nível de resiliência. E, sim, há bons exemplos de quem tenta contornar a situação.

Uma das inspirações vem do Bischoff Group, de Igrejinha/RS. Enquanto as fábricas parceiras que produzem seus calçados e acessórios seguem paralisadas por tempo indefinido, parte da equipe interna segue no home office para mapear ações rápidas e eficazes.

Com 85 lojas da marca Jorge Bischoff e mais oito pontos de venda da marca Loucos & Santos, entre franquias e unidades próprias, a companhia direcionou seus passos iniciais para o varejo.

“Estamos desenvolvendo diversas iniciativas simultâneas. A primeira fase de estratégias visa amenizar os custos dos franqueados, através do contato com a rede de fornecedores para reduzir as despesas fixas”, conta Natália Bischoff, diretora de Branding e Negócios do Bischoff Group. Outra ação está diretamente ligada à Associação Brasileira de Franchising (ABF), que está à frente de negociações especiais para o varejo localizado em shopping centers.

Novos olhares

Natália também descreve a ação vinculada ao e-commerce da companhia, criado em 2011. “Visando a manutenção do relacionamento entre lojas físicas e seus consumidores, liberamos vouchers especiais para cada uma das unidades enviarem a seus clientes. Para cada compra online feita com voucher, a loja correspondente recebe parte do lucro também”, detalha.

O outro pilar de estratégias da empresa para o momento de crise está em desenvolvimento e lança olhares para a fase de retomada, envolvendo, segundo Natália, uma tentativa de previsão do futuro pós-pandemia.

“Não tenho dúvidas de que teremos mudanças de comportamento e de consumo. Elas serão graduais, não serão lineares, mas com certeza irão acontecer. Teremos novos hábitos de compra, muito norteados pela percepção de marca e os valores que serão investidos”, avalia a gestora, que destaca a humanização das marcas como um caminho sem volta.

 

Loja Ernest investe no e-commerce

WhatsApp Image 2020-03-30 at 16Localizada na famosa Rua Coberta, na região central da cidade turística de Gramado, na Serra Gaúcha, a Loja Ernest também identificou na crise atual o momento adequado para estabelecer novas estratégias.

A escolha do tradicional ponto de venda de calçados e moda para os públicos feminino, masculino e infantil foi investir no e-commerce (www.lojasernest.com.br), que já estava em processo de implantação e, nesta semana, inicia suas operações.

“Colocar nosso e-commerce em plena atividade foi a forma que encontramos de nos aproximarmos dos nossos clientes neste período de incertezas e distanciamento social. Além disso, mantemos diariamente a troca de mensagens através das redes sociais com nosso público”, relata a gestora da Loja Ernest, Sofia Fioreze.

De todo o país 

WhatsApp Image 2020-03-30 at 16.49.45Por receber muitos turistas, a Loja Ernest atrai clientes de todo o país, que, independente da atual situação gerada pelas medidas de prevenção e combate ao novo coronavírus, seguirão com a facilidade da compra online sem precisarem sair de casa.

“Nosso público vem de todas as regiões do Brasil e o ambiente virtual facilita a relação com compradores fidelizados, que sempre que vêm a Gramado retornam à loja, além de abrir possibilidades para novos clientes”, diz Sofia, ao destacar que a Loja Ernest deve seguir mais fortalecida após esta difícil temporada.

Compartilhar

Bolsonaro diz que vai sancionar auxílio de R$ 600 nesta terça. Saiba quem pode receber

Avançar »

Parceria entre Prefeitura e Feevale auxilia na campanha de monitoramento de pessoas com sintomas gripais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical