• Visualizações 336

Fenac terá novo receptivo

Na última sexta-feira a Fenac se reuniu com representantes da Kaefe Engenharia e Incorporações para a assinatura do contrato que prevê a construção de um novo receptivo no centro de eventos, o Salão Nobre

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Facebook)

A empresa de São Leopoldo/RS foi a vencedora do edital lançado no último trimestre de 2019, tendo o julgamento homologado no dia 30 de dezembro.

O projeto envolve um investimento de 3.548.381,13 para a construção de um novo receptivo com área total de 1.234,50 m². A obra, que será executada com recursos próprios da Fenac, deve começar ainda em janeiro e não interferirá no calendário de eventos de 2020. Hugo Scipião Ferreira Neto, superintendente da Kaefe, explica que os trabalhos devem iniciar o quanto antes. “Pretendemos executar no menor prazo possível e dentro dos mais altos padrões, com previsão de entrega para julho deste ano”, pontua. Segundo ele, o projeto envolverá cerca de nove profissionais responsáveis pela administração da obra, chegando a envolver 40 pessoas no auge dos trabalhos.

O diretor executivo da Fenac, Mauro de Paula, conta que a ideia do Salão Nobre surgiu da constatação, a partir desta gestão, de que a atual recepção não comportava adequadamente grandes eventos como Fimec e Feira da Loucura por Sapatos. ”Será um espaço multiuso que possibilitará a realização de dois eventos simultâneos, já que a Fenac terá duas recepções estruturadas para bilheteria e credenciamento”, revela de Paula, ao dizer que o novo ambiente dará uma visão mais moderna à Fenac. O ambiente ainda contará com um telão de LED com dimensões de 12 metros de comprimento por 6 metros de altura para divulgação dos eventos promovidos e sediados pela Fenac.

No portfólio da Kaefe, estão obras como o Instituto Geral de Perícias de Porto Alegre; o CEI, em Campo Bom; além de alguns dos prédios do Campus 2 da Universidade Feevale, totalizando 40 mil m² em obras na instituição de ensino. Atualmente, a empresa está à frente de seis obras na capital gaúcha. Neste sentido, Marcio Jung, diretor-presidente da Fenac, destaca a importância da construtora contar com 40 anos de experiência em grandes projetos. “Ter tradição em obras marcantes na comunidade é um fator tranquilizante”, afirma.

Com informações da Talentare Assessoria / Fenac

Foto e imagens: Fenac / Divulgação

Compartilhar

Balanço de ações da Segurança Pública destaca redução da criminalidade no RS

Avançar »

Petrobras reduz preço da gasolina e diesel nas refinarias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical