• Visualizações 633

Inter vence com folga, Grêmio perde com polêmica e Botafogo começa campeonato na liderança

Quatro gols garantiram primeiro lugar na tabela ao time carioca. Internacional passou pela Coritiba e está em segundo.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O primeiro fim de semana do Brasileirão 2012 terminou com o Botafogo na liderança do campeonato. O clube carioca saiu na frente graças aos quatro gols marcados na partida contra o São Paulo, neste domingo, dia 20.

O Internacional, que fez 2 a 0 contra o Coritiba, também no domingo, ocupa a segunda colocação. A “vitória sem contestações”, como definiu o técnico Dorival Júnior, não é suficiente para dizer se o Inter está preparado para reconquistar o nacional – que não ocorre desde 1979.

Neste domingo, o atacante Jô, que até então atuava no Inter, foi anunciado pelo Atlético-MG, que venceu a Ponte Preta na estreia no Brasileirão. O técnico Cuca informou a imprensa sobre o novo reforço logo após o jogo. O vice de futebol do clube gaúcho, Luciano Davi, no entanto, garante que não recebeu oferta dos mineiros e que o camisa 18 seguirá treinando no CT de Alvorada, destinado às categorias de base, junto com Jajá.

“O Galo demonstrou interesse, mas não fez nenhuma proposta oficial”, afirma Davi. Jô está afastado do grupo principal do Inter por indisciplina, junto com Jajá. A dupla, após a eliminação do time de Dorival Júnior na Libertadores, deixou o Engenhão, no Rio de Janeiro, sem o restante da delegação colorada. Os dois teriam saído com amigos e retornado para a concentração na manhã do dia seguinte.

Polêmica na estreia gremista

As entrevistas dos jogadores e do técnico do Grêmio logo depois da derrota para o Vasco, na noite deste domingo, no Rio de Janeiro, focaram na arbitragem. Um gol anulado pelo árbitro Célio Amorim, com a partida ainda em 1 a 1, já no segundo tempo, foi a polêmica da partida, que terminou em 2 a 1.

O quinto árbitro, Marcos André Gomes da Penha, do Espírito Santo, apontou uma falta de André Lima no goleiro Fernando Prass no lance. Amorim aceitou a recomendação do colega e anulou o gol de Miralles. O camisa 1, porém, caiu após choque com zagueiro Rodolfo.

André Lima criticou os árbitros e chegou a chamar um dos auxiliares de “mentiroso”. “Nem encostei no Rodolfo”, disse. “Isso é inadmissível. Não quer contato, vai jogar tênis, vôlei. Acabamos falando coisa que não devemos. Acabamos falando coisas que não devemos. Ele [o auxiliar] conseguiu falar mais que o juiz. Ele é um mentiroso, ele mentiu. Nem encostei em ninguém, todo mundo viu, ninguém é cego.”

Informações de Globo Esporte

FOTOS:

Jefferson Bernardes / internacional.com.br

Wagner Meier / AE

Compartilhar

Novo Hamburgo: Não vem (ainda)! Metroviários ameaçam fazer greve e Dilma Rousseff cancela visita ao RS

Avançar »

Felipão lamenta derrota para o Grêmio e Fabrício não deve ser punido pelo Inter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*