Dia para o Inter confirmar o bom momento e o Grêmio a imortalidade

Colorado recebe o Peñarol no Beira-Rio e o Grêmio vai até o Chile enfrentar a Universidad Católica; Gre-Nal ainda é possível.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Depois de decidir a Taça Farroupilha, no último domingo, 1º de maio, a dupla Gre-Nal volta a campo nesta quarta-feira, 04, para mais uma decisão.

Desta vez, os dois maiores clubes do Rio Grande do Sul não se enfrentarão, e sim, buscarão eliminar seus adversários para protagonizar mais um clássico na fase de quartas-de-final Libertadores 2011.

O Inter recebe o Peñarol, às 19h30min, no estádio Beira-Rio, com o objetivo de confirmar o bom momento e se classificar para a fase de quartas de final da Taça Libertadores. Depois de empatar com o Peñarol, por 1 a 1, no Uruguai e vencer o Grêmio, nos pênaltis, na final da Taça Farroupilha, o Colorado entra em campo motivado para conquistar a vaga.

Mesmo precisando de uma vitória simples ou de um empate por 0 a 0, o técnico Falcão faz mistério na escalação e despista a imprensa utilizando o esquema 4-3-3 no último treinamento.

O esquema treinado nesta terça, é bem diferente do modelo utilizado no último Gre-Nal, que contava com Andrezinho e Oscar na equipe. Depois do treino, em entrevista coletiva, Falcão não confirmou que esse será o esquema que será utilizado diante do Peñarol.

“Essa formação pode começar jogando, pode entrar depois, pode não ser utilizada. Queria realizar um teste, porque a outra eu sei o que pode render. Esse 4-3-3 é possível. Depende da situação. Pode ser que eu comece com ele. Sempre deixo todos preparados”, disse Falcão.

Mas o provável é que Falcão não mude o que está dando certo e mande o Inter a campo com: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho e D’Alessandro; Oscar e Leandro Damião.

Já o Grêmio vai até o Chile, enfrentar a Universidad Católica, no estádio San Carlos de Apoquindo, às 21h50min, com a missão de provar mais uma vez a sua imortalidade e retomar o caminho das boas atuações.

Mesmo viajando com apenas 17 jogadores na delegação e sem poder contar com Victor, Gabriel, Lúcio, Rochemback, William Magrão, Borges e André Lima, o técnico Renato Gaúcho acredita na classificação para as quartas de final da Libertadores.

Só que na chegada a Santiago o treinador teve outro problema. Com dores musculares no adutor da coxa esquerda, Rafael Marques não participou do treino de reconhecimento do Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago.

Caso Rafael Marques não se recupere o Grêmio entrará em campo sem oito jogadores titulares. Assim o Grêmio deve ter Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Rafael Marques (Neuton), Rodolfo e Gilson; Vilson, Adilson, Fernando e Douglas; Leandro e Júnior Viçosa.

A única certeza desta quarta-feira é que se a dupla Gre-Nal se classificar para as quartas de final da Taça Libertadores, teremos dois clássicos Gre-Nais na próxima fase da competição continental.

Santos é o primeiro

brasileiro classificado

O Santos empatou em 0 a 0 com o América, em Guadalajara, no México, e como venceu o primeiro jogo na Vila Belmiro por 1 a 0, está classificado para as quartas de final da Taça Libertadores da América. Agora, o Peixe espera o vencedor de Cruzeiro e Once Caldas. O clube brasileiro já venceu a primeira partida por 2 a 1 e agora pode até perder por 1 a 0 em Minas Gerais.

FOTO: reprodução / GloboEsporte.com

Compartilhar

Inter empata no Uruguai e encaminha vaga às quartas-de-final

Avançar »

Grêmio perde novamente para a Católica e também fica fora

Um comentário

  1. 4 de maio de 2011

    porque eu torco para o inter

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*