• Visualizações 1030

Noia perde para o Inter e Grêmio empata com o São Luiz

Anilado não resiste ao time reserva do Inter e perde a terceira partida seguida neste Gauchão 2010. Grêmio sai perdendo pela sexta vez consecutiva, não consegue a virada e Silas é chamado de Burro.

Da Redação redacao@novohamburgo.org

Terminou a sexta rodada do Gauchão 2010 e algumas tendências se confirmam.

Inter, Grêmio e Novo Hamburgo estão mesmo em estágios bem diferentes de formação de seus times. O Portal novohamburgo.org acompanhou os jogos desta quarta-feira, dia 03, e conta como foram.

Novo Hamburgo 1X3 Internacional

Jogando no Estádio do Vale, na noite quente desta quarta-feira, 03, o Novo Hamburgo foi batido pelo time reserva do Internacional. O colorado da capital gaúcha dominou o primeiro tempo com Andrezinho ditando o ritmo do jogo, pelo lado Anilado, a única jogada era o lateral esquerdo Paulinho, que quando avançava criava perigo para a defesa colorada.

Leia Mais

Calor “derruba” comentarista ao vivo nas cabines do Estádio Olímpico

O Inter começou a encaminhar a sua vitória logo aos 19min quando Andrezinho fez um belo passe para o centroavante Leandro Damião abrir o placar, Damião é o goleador do Inter no Gauchão 2010 com 4 gols.

O técnico Anilado Gilmar Iser não esperou o primeiro tempo terminar para modificar a sua equipe, aos 38min retirou o lateral direito Fininho e colocou o meio campo Edimar. Com a modificação o Noia passou a ficar mais tempo com a bola e subiu de produção na partida.

Foi justamente neste momento que o Anilado sofreu um duro golpe, aos 46min Andrezinho cobra falta na marca do pênalti, Edu escora para Sorondo que dentro da pequena área e livre de marcação amplia o placar para 2 a 0.

No intervalo Iser fez uma modificação tática, colocando o meia Edimar para o lado esquerdo para servir ainda mais o lateral Paulinho. Com a nova mudança o Novo Hamburgo literalmente partiu para cima do Internacional.

Logo aos 13min a mudança surtiu efeito, Edimar fez o passe para Paulinho que invadiu a área e foi derrubado pelo volante colorado Wilson Mathias. Pênalti para o Noia que foi competentemente convertido por Paulinho.

Com o gol a torcida empurrou o Noia para o ataque e logo aos 16 min o arbitro Francisco Neto não marcou outro pênalti para o Anilado e ainda aplicou o cartão amarelo em Maiquel, alegando simulação do atacante Anilado.

Aos 26min Preto recebeu a bola livre na pequena área, mas desequilibrado chutou em cima do goleiro Muriel. Dois minutos depois Maiquel cai na área novamente, Francisco Neto não assinala pênalti e expulsa o atacante do Novo Hamburgo.

Mesmo com um jogador a menos, o Noia não parava de atacar, aos 30min Gustavo Papa invade a área e sem marcação chuta em cima de Muriel que salva novamente o colorado.

No futebol tem um ditado que diz “quem não faz, leva” e foi justamente o que aconteceu nesta noite em Novo Hamburgo. Aos 41min o zagueiro Anilado Edson Borges falha, Bruno Silva vai a linha de fundo e cruza para o estreante Thiago Humberto definir o placar.

Ficha Técnica:

Novo Hamburo (1): Nicolas; Fininho (Edmar), Micael, Edson Borges e Paulinho, Marcio Hanh, Preto, Chicão (Reginaldo) e Emerson; Maiquel e Gustavo (Michel). Técnico Gilmar Iser.

Internacional (3): Muriel; Danilo Silva, Sorondo e Danny Morais; Bruno Silva, Glaydson (Walter), Wilson Mathias, Andrezinho e Nei (Bolívar(; Edu e Leandro Damião (Thiago Humberto). Técnico: Jorge Fossati.

Gols: Leandro Damião, aos 15min e Sorondo, aos 46min do primeiro tempo. Paulinho, aos 14min e  Thiago Humberto, aos 41min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Fininho, Márcio Hahn e Maiquel (Novo Hamburgo); Glaydson, Danilo Silva, Wilson Mathias e Nei (Inter). Cartão vermelho: Maiquel (Novo Hamburgo).Estádio: Estádio do Vale, Novo Hamburgo, RS. Data: 03/02/2010. Árbitro: Francisco Neto. Auxiliares: Marcelo Barison e José Inácio de Souza.

Grêmio 1X1 São Luiz

Na tarde desta quarta-feira, 03, sob um sol muito forte o Grêmio enfrentou o São Luiz no estádio Olímpico e pela terceira vez consecutiva neste Gauchão 2010 não conquistou a vitória.

No primeiro tempo o Grêmio foi para cima do São Luiz, mas não conseguiu converter as chances em gol. Aos 21min o jogo precisou ser paralisado, por dois minutos, para a hidratação dos jogadores. Com as várias chances perdidas a torcida vaiou o time na saída para o intervalo.

No segundo tempo o que estava ruim piorou ainda mais. O São Luiz logo aos 2min atacou organizadamente pela primeira vez no jogo. Eraldo, artilheiro do time no Gauchão com sete gols, encarou a marcação de Maurício na linha de fundo, cruzou da direita e achou Vanderson, livre na pequena área, para abrir o placar. Em seis jogos no Gauchão 2010, o Grêmio saiu atrás em todos.

Com o aumento das vaias o Grêmio não conseguia ter tranqüilidade para buscar o empate e em nova pausa para idratação, os torcedores protestaram veemente contra o técnico Silas. Gritos de “burro” ecoaram nas arquibancadas do Olímpico, essa foi a primeira vez que Silas ouviu o grito desde que assumiu o Tricolor.

Na volta da pausa o Grêmio conseguiu empatar com um belo gol de Borges. O atacante recebeu cruzamento de Maylson, antecipou o zagueiro e de cabeça deslocou o goleiro Oliveira, empatando aos 27min para o tricolor. No minuto seguinte Borges quase virou o jogo, mas o chute saiu por cima da meta de Oliveira.

Fim de jogo e início da crise no Grêmio, que com 11 pontos tem a liderança da chave 1, mas é apenas o 6° colocado na classificação geral.

Ficha técnica:

Grêmio (1): Victor, Mário Fernandes, Rafael Marques e Maurício; Joílson (Maylson), Ferdinando, Adilson (Fábio Rochemback), Hugo (Fábio Santos) e Lúcio; Jonas e Borges. Técnico: Silas.

São Luiz (1): Oliveira, Marcelo Oliveira, Vanderson e Bronzatti; Jonatan, Beto Fronza, Rudiero (Baiano), Jean Paulo (Nicolas) e Xaro; Luciano Fonseca (Bruno Soares) e Eraldo. Técnico: Beto Campos.

Gols: Vanderson 2min e Borges 26min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Fábio Rochemback, Maylson e Maurício (Grêmio); Bronzatti e Baiano (São Luiz).

Estádio: Olímpico, Porto Alegre, RS. Data: 03/02/2010. Árbitro: Fabrício Corrêa. Auxiliares: Vilmar Burini e Tatiano Freitas. Público pagante: 4.170. Renda: R$ 62.132,00.

FOTOS: reprodução / PFC / gremio.net

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*