• Visualizações 1550

Gauchão 2010: Grêmio vence Caxias em mais uma virada, garante 100% e invencibilidade em casa

Com mais uma atuação eufórica de Jonas, gremistas fizeram 3 a 2 em jogo no Olímpico, garantindo 40 jogos de invencibilidade.

Felipe de Oliveira felipe@novohamburgo.org

Ele por pouco não foi envolvido como moeda de troca na tentativa de contratar o lateral-direito Vítor, do Goiás. Diz que nunca foi valorizado no Estádio Olímpico…

Leia Mais

Gauchão 2010: Grêmio, Inter e Nóia vencem na estréia. Saiba como foi

Jonas. Mais uma vez decisivo para uma virada do Grêmio no Gauchão 2010. Não foi tão difícil quanto na estréia em Pelotas, é verdade. Mas os gremistas também não encontraram facilidades para vencer o Caxias por 3 a 2 nesta quinta-feira, dia 21, e dependeram do atacante “renegado” para garantir 100% de aproveitamento no certame estadual e a liderança do Grupo 1, com seis pontos.

Agora, o Tricolor volta à campo no próximo domingo, dia 24. Enfrenta o Veranópolis, às 19h30min, novamente no Estádio Olímpico. Mais um teste para o time que não perde em casa desde setembro de 2008. Já são 40 jogos de invencibilidade.

O JOGO

Quem esperava facilidades em função do jogo ser em Porto Alegre, enganou-se. O Caxias desceu a Serra decidido a acabar com a invencibilidade do Grêmio no Olímpico. O Portal novohamburgo.org acompanhou e conta como foi.

Logo aos 19 minutos, o primeiro susto. Os caxienses aproveitaram bobeira da zaga gremista e Marcelo Costa, ex-Grêmio, abriu o placar. O empate não tardaria. Ao 27 minutos, Souza cobrou falta e Jonas cabeceou na trave. Também de cabeça, Borges (foto) pegou o rebote e empurrou para as redes. Segundo gol do centroavante em dois jogos oficiais com a camisa tricolor.

Na segunda etapa, parecia que as dificuldades não seriam tão grandes. Aos 15 minutos, Jonas, sempre ele, fez boa jogada pela direita e cruzou na área. O zagueiro Anderson Bill se atrapalhou, cabeceou contra, do meio da área, e permitiu a virada do Grêmio. Por pouco tempo. Aos 22, Everton bateu colocado da entrada da área e deslocou Victor. Um belo gol. Jonas ainda estava em campo. Um minuto depois, de cabeça, o atacante marcou o seu. A bola ainda desviou na zaga antes de entrar e dar números finais à partida: 3 a 2.

GRÊMIO 3 CAXIAS 2
Victor; Ferdinando, Réver, Rafael Marques e Fábio Santos (Lúcio, 7 min do 2º); Adilson, Souza, Hugo (Tulio, 25min do 2º) e Leandro; Jonas (Maylson, 34 min do 2º) e Borges Ricardo; Alisson, Anderson Bill, Tiago Saletti e Ismael (Caçapa, 25min do 2º); Marcos Rogério (Mauro, 36 min do 2º), Itaqui, Lê (Edenilson, 29min do 2º) e Marcelo Costa; Everton e Cristian Borja
Técnico: Silas Técnico: Julinho Camargo

Gols: no primeiro tempo, Marcelo Costa (C), aos 19 minutos e Borges (G), aos 27. No segundo, Anderson Bill, contra, (G), aos 15 minutos, Everton, (C), aos 22 e Jonas (G), aos 23.
Cartões amarelos: Cristian Borja, Ricardo, Marcelo Costa, Marcos Rogério, Tiago Saletti (C), Adilson, Lúcio (G)
Arbitragem: Carlos Simon, auxiliado por Marcelo Barison e Alduíno Mocelin.
Renda: R$ 323.644,50.
Público: 15.230 (13.431 pagantes)
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre

FOTO: divulgação / Grêmio

Compartilhar

2 comentários

  1. juan
    23 de janeiro de 2010

    gremio 100% e vai ganhar o grenal de barbada!

    Responder
  2. Ediane
    23 de janeiro de 2010

    Ta facil d+ assim o gaucho 10 é nosso

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*