Dia de técnicos na dupla Gre-Nal: Inter confirma Jorge Fossati e Grêmio apresenta Silas

Casamata gremista e colorada terá “apostas” em 2010. Um chega para superar o rótulo de treinador emergente, outro quer quebrar tabu de estrangeiros que não deram certo.

Felipe de Oliveira felipe@novohamburgo.org

A quarta-feira foi dos técnicos no noticiário Gre-Nal. A apresentação de Silas no Grêmio e a confirmação de Jorge Fossati, ex-LDU, no Inter marcaram o dia 09 de dezembro da dupla.

Leia Mais

Silas chega falando em pegada e não revela esquema tático preferido

Na temporada 2010, Grêmio e Inter terão “apostas” na casamata. Cada uma, à sua forma. Com a sua dimensão. Darão certo? É o que gremistas e colorados começam a se perguntar… Quem viver, verá!

DESAFIOS – No Estádio Olímpico, Silas tem a tarefa de superar o rótulo de treinador emergente. Afinal, é o segundo melhor do ano pelo trabalho à frente do Avaí, premiado pela CBF, mas nunca treinou um time grande. No time catarinense fez sucesso. Foi vice-campeão da Série B em 2008 – atrás apenas do Corinthians de Mano Menezes – e esse ano levou os avaianos à sexta colocação da Série A, à frente do próprio Grêmio.

O uruguaio Fossati chega ao Estádio Beira Rio com um currículo respeitável. Foi campeão em seu país com o Peñarol, paraguaio com o Cerro Porteño e equatoriano na LDU, com quem venceu também Recopa e Sul-Americana. Comandou ainda o River Plate, do Uruguai, e as seleções do Uruguai e do Catar. Nada mal quando assunto é experiência em futebol sul-americano. Terá de quebrar, no entanto, o tabu imposto por estrangeiros que não deram certo na função trabalhando no Brasil.

FIM DO RODÍZIO

andradeA dupla Gre-Nal quebra em 2010 o rodízio estabelecido pelos principais treinadores do país. Desde o início dos anos 2000, os mesmos se revezam no comando dos grandes clubes. Vanderlei Luxemburgo, Muricy Ramalho, Mano Menezes, Paulo Autuori em um primeiro patamar, com salários “astronômicos”. Seguem Celso Roth, Tite, Cuca… Especula-se que Silas ganhará menos de R$ 100 mil e Fossati cerca de R$ 170 mil.

O momento não é o melhor para apostas. É verdade. O Inter luta pelo bicampeonato da América no ano que vem e o Grêmio não ganha um título nacional desde 2001. Pois bem. Novas idéias pode ser o que faltava para a conquista dos objetivos da dupla. O exemplo do ex-interino Andrade (foto) campeão nacional com o Flamengo, 17 anos depois, considerado pela CBF o melhor técnico do Brasileirão, pode ser um estímulo. E confirma também a tendência de novos nomes no mercado.

FOTOS: divulgação / LDU / Gremio.net / Flamengo

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*