Copa do Brasil: Grêmio joga mal na estréia, mas vence e vai a segunda fase

Gremistas foram à Rondonópolis – MT e venceram o Araguaia por 3 a 1, de virada. Em Porto Alegre, Cerâmica fica no 1 a 1 com o Paraná e garante o jogo de volta.

Da Redação redacao@novohamburgo.org

Começou a Copa do Brasil. E desse assunto o Grêmio entende. O maior vencedor da competição nacional, ao lado do Cruzeiro, estreou nesta quarta-feira, dia 10.

Venceu. É verdade. Mas não convenceu. Depois de sair atrás do Araguaia em Rondonópolis – MT, os gremistas viraram o placara e já estão na segunda fase. Não precisou nem jogo de volta em Porto Alegre. Não foi só o Tricolor que representou os gaúchos. O estrante Cerâmica também não começou mal.

O Portal novohamburgo.org acompanhou a rodada e conta como foi.

Araguaia 1X3 Grêmio

O Grêmio esqueceu o Campeonato Gaúcho por alguns dias e focou todas as suas atenções para a Copa do Brasil, mas parece que uma coisa o tricolor gaúcho levou com sigo na bagagem, o fato de em 2010 levar gol em todos os jogos. Neste ano o Grêmio só não saiu perdendo o jogo contra a Universidade, no último domingo, 07.

No jogo de hoje a rotina se manteve aos 36 min Wellington cruzou para Gledson que foi mais rápido que Rafael Marques e Saimon e empurrou para o gol. Novamente atrás no placar o Grêmio aumentou o ritmo e logo aos 38min Jonas, cruzou na segunda trave, Maylson escorou, e Borges, mesmo na pequena área, soltou a bomba para igualar o placar.

Na segunda etapa o tricolor gaúcho não deixou o Araguaia gostar do jogo e aos 12min já virava o placar. Douglas, fez o que se espera dele, recebeu na entrada da área, dominou e ajeitou com a perna esquerda para Fábio Rochemback bater de primeira e virar para o time da Azenha.

Com a vantagem o técnico Silas segurou o seu time com duas modificações, Lúcio deu lugar para Fábio Santos na esquerda. Na frente, o meia Mithyuê entrou no lugar do atacante Jonas.

Sem saber Silas estava se tornando o responsável pela classificação do Grêmio. Com menos de cinco minutos em campo, Mithyuê deu passe preciso para Borges que ganhou do zagueiro no drible de corpo e tocou na saída de Flávio Mendes, fazendo o gol que classificava o Grêmio sem precisar jogar a segunda partida.

Com a eliminação e sem forças para fazer um gol o Araguaia se perturbou. Verona, após cometer dura falta em Fábio Santos, e Wellington Silva, por reclamação exagerada, foram expulsos nos acréscimos.

O Grêmio volta a jogar no próximo sábado, 13, às 16h, no estádio Olímpico, pelo Gauchão 2010. A equipe recebe o São José de Porto Alegre, vice-colocado na pontuação geral da competição, pela última rodada do primeiro turno.

Ficha técnica:

Araguia (1): Flávio Mendes; Pedro (Luís Fernandes), Alisson, Júnior Pereira e Marcelo Maciel; Pedrinho, Vitoriano, Verona e Diniz (Maurício); Gledson (Floriano) e Wellington Silva. Técnico: Pedro Mendes.

Grêmio (3): Victor; Mário Fernandes, Saimon e Rafael Marques e Lúcio (Fábio Santos); Ferdinando, Fábio Rochemback, Maylson e Douglas; Jonas (Mithyuê) e Borges. Técnico: Silas.

Gols: Gledson, aos 36, e Borges, aos 38 do primeiro tempo. Fábio Rochemback, aos 12, e Borges, aos 40 do segundo tempo.

Cartões amarelos: Pedro e Júnior Pereira (Araguaia); Saimon, Joílson, Fábio Rochemback e Borges(Grêmio).

Cartões vermelho: Verona e Wellington Silva (Araguaia).

Estádio: Luthero Lopes, Rondonópolis, MT. Data: 10/02/2009. Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO). Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (GO) e Chisthian Passos Sorence (GO).

Cerâmica 1X1 Paraná Club

O Cerâmica estreou em competições nacionais nesta quarta-feira, 10, e não fez feio. Jogando no estádio Passo D’Areia, estádio do São José de Porto Alegre, o clube de Gravataí não tremeu e enfrentou o clube da capital paranaense como se fosse um time experiente.

Logo aos 12 min, o Cerâmica abriu o placar com Bruno Alex, que avançou e deu um chute de longa distância no ângulo de Juninho. Com a frente no marcado o clube gaúcho recuou e os paranaenses empataram ainda na primeira etapa.

Após boa troca de passes, aos 37min, Marcelo Toscano tentou chutar, mas a bola sobrou para Pará que sem titubear empatou o jogo.

No segundo tempo o Cerâmica recuou ainda mais e tentou explorar os contra-ataques, mas não encaixou nenhum fulminante, assim como o Paraná que quando não parava no goleiro Donizete, errava o gol.

Aguinaldo, aos 34min, deixou o Cerâmica com dez em campo, o que não impediu que o time, participante da Segundona Gaúcha, segurasse o empate em casa.

O jogo de volta será na Vila Capanema, no próximo dia 24. O Tricolor poderá empatar sem gols para se classificar. O empate com mais de um gol dará a vaga para o Cerâmica. Um novo 1 a 1 levará a decisão para os pênaltis. Quem se classificar deste confronto enfrenta Sport ou Brasília, que só se enfrentam pela primeira vez também no dia 24, no Distrito Federal.

Com informações GloboEsport.com

FOTOS: reprodução / Agência Futura Press

Compartilhar

Na madrugada: Grêmio enfrenta o Araguaia no Mato Grosso às 23h50min

Avançar »

Brasileirão 2010 começa em maio: Grêmio fora, Inter em casa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*