• Visualizações 482

Dupla Gre-Nal: Dunga valoriza postura Colorada e Renato esfria sonho do título no Tricolor

Inter bate Criciúma por 1 a 0 e cola no G-4, a um ponto do Furacão. Derrota para Atlético-MG fez Grêmio ficar seis e nove pontos, respectivamente, atrás de Botafogo e Cruzeiro.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Foi uma vitória magra do Inter, de 1 a 0 sobre o Criciúma, na tarde deste domingo, no Estádio Heriberto Hülse.

Mas o valor real do resultado foi muito maior para Dunga, técnico que viveu semana de pressão, após dois resultados ruins em casa – empate contra o Atlético-PR e derrota diante do Santos.

Na avaliação da partida, em entrevista coletiva logo após o jogo, o time colorado evoluiu em concentração para ter maior consistência em campo.

O discurso do treinador faz sentido. Nos 90 minutos, a equipe gaúcha esteve a maior parte do tempo com a posse de bola. O mais importante é que Muriel foi pouco acionado em toda partida.

O segredo foi uma pequena mudança tática: “Nossa postura foi um pouco diferente. Nós sofríamos os gols, mas estávamos posicionados na defesa já pensando em como atacar. A equipe adversária chegava uma ou duas vezes e marcava. Hoje, a concentração dos jogadores foi outra. Primeiro, nós defendemos. E depois é que pensamos em atacar,” explica o treinador.

“Se conseguir vaga na Libertadores, está de parabéns”

A derrota para o Atlético-MG foi além da perda de três pontos ao Grêmio. Rivais da ponta de cima, Botafogo e Cruzeiro venceram. O terceiro lugar ficou assegurado, mas a distância ao segundo e ao líder subiram: cinco e nove pontos, respectivamente.

Situação que fez Renato Gaúcho esfriar – embora ainda o mantenha – o sonho do título do Brasileirão. Tanto que disse que o clube estará de parabéns em caso de conquistar somente vaga à Libertadores.

Foi a partir da contratação do treinador que o Tricolor deu salto na tabela. Entrou no G-4, zona que frequenta há oito rodadas consecutivas. Sob o seu comando, tem 9 vitórias, 2 empates e 5 derrotas em 16 jogos: 60,4% aproveitamento e oito rodada consecutivas na zona da Libertadores. Mas a rodada deste fim de semana brecou o embalo.

“Se o Grêmio conseguir uma vaga na Libertadores, presidente, diretoria, torcedor estarão de parabéns e têm que dar parabéns ao grupo. Quando eu cheguei, achavam que nós brigaríamos contra o rebaixamento. Que o grupo era fraco, com muitos jogadores do Interior. Trabalhamos e corrigimos alguns problemas. Tem muita gente que não valoriza esta gurizada. Estão tendo a chance deles e colocando o Grêmio no seu devido lugar: na parte de cima da tabela. O campeonato não é nada fácil. O Grêmio tecnicamente não tem uma equipe excepcional, mas o grupo se supera na vontade. Se vamos ganhar título, não sei, mas vamos brigar muito, no mínimo, por uma vaga na Libertadores. E eu estou orgulhoso por eles,” contextualizou o comandante.

Informações de globoesporte.com

FOTO: reprodução /  João Lucas Cardoso / globoesporte.com

Compartilhar

Eduardo Pinto deixa presidência da Arena Porto-Alegrense, interino já foi definido

Avançar »

Torcedores que brigaram na Arena são proibidos de ir a jogos por seis meses

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical