• Visualizações 754

Natal sem presentes para a dupla Gre-Nal

Depois de ano difícil para as duas torcidas, tendência mais forte é de que gremistas e colorados recebam seus presentes  no Ano Novo, iniciando um 2013 com novidades.

Da Redação redação@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Nem o bom comportamento e fidelidade das torcidas de Grêmio e Inter em 2012 deve garantir o “anúncio” de presentes no Natal. A primeira até ganhou um regalo antecipado, com a inauguração da Arena. A segunda se esforçou o ano inteiro para comparecer ao Beira-Rio em reformas e ocupar as dependências que restaram da casa colorada. A tendência mais forte é de que gremistas e colorados comemorem o Ano Novo com novidades.

Apesar da idade avançada e de estar acostumado a presentear os gremistas com títulos, o presidente Fábio Koff admitiu que será muito difícil confirmar um novo reforço no dia 25. “Se pudéssemos anunciar antes, o faríamos, mas por enquanto não podemos garantir nada”, disse em entrevista ao site do Correio do Povo. O “ajudante”, o diretor-executivo Rui Costa, disse que o Grêmio trabalha em várias frentes e com vários nomes. “Estamos trabalhando no feriado para que o clube tenha equipe competitiva. Certamente, ao longo dos próximos dias, teremos condições de anunciar novos jogadores”, admitiu.

No lado colorado, o diretor Newton Drummond dispensou o papel de Papai Noel vermelho. “Ainda não assumi essa função”, afirmou, entre risos. Mais sério, como de costume, ele disse que existem negociações bem encaminhadas para o lado colorado e justifica a falta de presentes no dia do Natal. “Essa é a época em que todos desaparecem e fica difícil anunciar algum jogador. Não temos pressa, mas precisamos ser ágeis”, argumentou.

Por parte de Drummond, existe apenas a garantia de um trabalho minucioso para contratar de forma correta. “Estamos vendo alternativas e investigando possibilidade, tudo para não errar. Não tenho como te dizer a data e a hora. É possível que algumas coisas aconteçam na próxima semana”, revelou. O presidente do Grêmio, Fábio Koff, estabeleceu como prioridade a contratação de um atacante de velocidade. O nome de Eduardo Vargas está na pauta gremista.

“É uma negociação bem complexa e não depende apenas da vontade do jogador”, explicou o dirigente. O Inter está mais próximo de reforçar a defesa. Com as saídas de Nei e Edson Ratinho, a lateral-direita passou a ser a posição mais carente da equipe. Sem falar no nome de Luís Ricardo, o mais próximo de vestir a camiseta do Colorado,  Drummond ao menos revela o perfil do jogador desejado. “O lateral tem que ter velocidade, porque ele precisa fazer o vai e volta. No futebol de hoje não existe mais atletas lentos”, justificou.

Informações de Correio do Povo
FOTO: reprodução / correio do povo

Compartilhar

Grêmio encara LDU na Pré-Libertadores

Avançar »

Obrigação de vencer o primeiro turno do Gauchão é do interior, diz presidente da Federação Gaúcha de Futebol

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*