• Visualizações 538

Incidentes do Gre-Nal fazem grêmio perder mando campo da Arena

Grêmio terá de pagar R$ 15 mil devido a perda de um jogo, na Arena, em âmbito nacional. Muriel foi o único que escapou e não precisará cumprir mais jogos de suspensão.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Grêmio e Inter foram julgados na tarde desta segunda-feira, dia 10, no STJD – Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Rio de Janeiro, pelos incidentes no Gre-Nal 394, dia 2 de dezembro, no Estádio Olímpico.

Muriel foi o único que escapou e não precisará cumprir mais jogos de suspensão, além de um, automaticamente. Ele foi apenas advertido no tribunal. O centroavante colorado Leandro Damião foi punido com dois jogos, assim como o zagueiro gremista Saimon.

Os técnicos Osmar Loss e Vanderlei Luxemburgo, também expulsos, foram suspensos por duas e uma partida, respectivamente. E o Grêmio terá de pagar R$ 15 mil devido a perda de um jogo, na Arena, em âmbito nacional.

Também na tarde desta segunda-feira, no STJD, o técnico da categoria sub-20 do Grêmio, Mabília, foi advertido pela expulsão na partida contra o Fluminense, em Volta Redonda, na Copa do Brasil da categoria. E o Grêmio, multado em R$ 1,5 mil por atraso no retorno do intervalo.

Entenda o caso:

No Gre-Nal 394, disputado no dia 2 de dezembro, no Estádio Olímpico, o goleiro do Inter Muriel foi expulso aos dois minutos do segundo tempo por interceptar a bola, chutada por Elano, em direção ao gol, com as mãos, fora da área.

Já o atacante colorado Damião desferiu uma cotovelada em Saimon e também recebeu cartão vermelho de Heber Roberto Lopes, aos 13 da etapa final.

O técnico interino do Inter Osmar Loss foi expulso por retardar o início do jogo, aos 46 minutos da etapa complementar. Ele chutou a bola para longe quando o zagueiro Saimon ia agarrá-la para efetuar a cobrança de lateral, o que gerou revide e a expulsão do jogador gremista.

Já o técnico Vanderlei Luxemburgo foi expulso pelo árbitro após invadir o campo para tentar conter o lateral-esquerdo Anderson Pico depois da expulsão do goleiro colorado Muriel. Os ânimos se exaltaram e Luxemburgo tentou segurar Pico para que o jogador não fosse expulso.

O Grêmio também foi julgado devido a um rojão arremessado por um torcedor e que caiu próximo ao banco do Inter, durante o segundo tempo da partida. Conforme o clube, o torcedor foi identificado na segunda-feira posterior ao Gre-Nal, o que poderia eximir a entidade de responsabilidade pelo ocorrido.

Informações de Zero Hora

FOTO: Juan Barbosa / zero hora

Compartilhar

Mundial de Clubes: Tite coloca Corinthians e Chelsea em igualdade

Avançar »

Após reunião, Inter acerta contratação de Dunga como novo técnico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*