Amistoso Internacional: Alemanha vence o Brasil e Mano segue sem vencer grandes

Jogando no Mercedes Benz Arena, em Stuttgart, a Alemanha venceu a Seleção Brasileira por 3 a 2 e aumentou a série sem vitória em clássicos sob o comando do técnico Mano Menezes.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

No dia que completou um ano no comando da Seleção Brasileira, o técnico Mano Menezes viu aumentar o seu tabu de não vencer adversários considerados de grande expressão. Jogando no Mercedes Benz Arena, em Stuttgart, a Alemanha venceu a Seleção Brasileira por 3 a 2.

Na era Mano, o Brasil perdeu de 1 a 0 para Argentina e França, empatou de 0 a 0 com a Holanda e, na Copa América, foi eliminada pelo Paraguai (2 a 2 na primeira fase, depois 0 a 0 nas quartas com derrota nos pênaltis). A última vez que o Brasil bateu um rival de tradição foi com Dunga no comando. No dia 14 de novembro de 2009, a seleção do capitão do Tetra venceu o amistoso contra a Inglaterra por 1 a 0. Na Copa do Mundo da África, a seleção de Dunga ficou no 0 a 0 com Portugal e foi derrotado pelos holandeses.

Nesta quarta-feira, 10, o técnico Mano Menezes até tentou modificar seu histórico. Corretamente, o técnico barrou o meia Ganso, que não vive um grande momento, mas surpreendentemente, iniciou o jogo com o meia Fernandinho, que não foi convocado para a Copa América da Argentina.

Outra surpresa foi a titularidade do volante corintiano Ralf, que foi convocado pela primeira vez. Assim o meio foi formado com Ramires, Ralf e Fernandinho, enquanto Neymar, Robinho e Pato formaram o ataque.

Sem criatividade, o jogo se arrastou na primeira etapa. Na segunda o arbitro resolveu colaborar, ao marcar pênaltis inexistentes, e o jogo ficou emocionante.

Aos 13 minutos, Kroos driblou Ralf e se jogou em cima de Lúcio. Pênalti erradamente assinalado pelo húngaro Viktor Kassa. Schweinsteiger agradeceu o presente e com uma cobrança perfeita fez 1 a 0.

O gol desestabilizou ainda mais o Brasil e a seleção alemã aproveitou para fazer o segundo. Aos 21 minutos, Götze recebeu a bola entre a dupla de zaga brasileira, passou por Thiago Silva, driblou Julio César na pequena área e chutou de direita para ampliar o placar.

Com dois a zero contra, Mano Menezes resolveu mexer. Fernandinho saiu para a entrada de Ganso e aos 25 minutos o Brasil fez o primeiro. A mudança não foi responsável pelo gol e sim o arbitro Viktor Kassa, que assinalou errado outro pênalti, desta vez para o Brasil. Robinho também agradeceu o presente e converteu para amenizar as criticas da Copa América.

Mas a Alemanha queria mais e chegou ao terceiro, aos 34 minutos, depois que o lateral esquerdo André Santos falhou feio e perdeu a bola Schweinsteiger, que rolou para Schürrle acertar um belo chute: 3 a 1 para a Alemanha.

Já nos acréscimos, Neymar chutou de fora da área e acertou, deixando o placar com 3 a 2.

Ficha do Jogo:

FOTO: reprodução / GloboEsporte.com

Compartilhar

Recopa Sul-Americana: Avellaneda é o palco da primeira decisão

Avançar »

Recopa Sul-Americana: Independiente vira e joga com vantagem no Beira-Rio

5 comentários

  1. 10 de agosto de 2011

    se vocês colocase elano brasil ia ganha

    Responder
  2. carlos armando alves
    11 de agosto de 2011

    o mano meneses,e um bom treinador, mas nao tem experiencia no exterior, pode ser que seja so o começo e que tudo vai melhorar, e como sabem queremos td muito rapido e mudanças demoram,tb acho que o felipe escolari anda ai pelo brasil e ele ganha esta copa com certeza,tem experiencia sabe unir e acho que o brasil todo o quer de volta, tb acho que treinador da seleçao brasileira deveria ser por votos da populaçao. obrigado.

    Responder
  3. 11 de agosto de 2011

    LEVA O RONALDINHO GAUCHO , ELE NÃO TREME , O NOME DELE E RESPEITADO E ELE JOGA PARA O COLETIVO SERVE OS OUTROS COM BONS PASSES BOTA NA CARA DO GOL, JA PASSOU DA FASE DE FAZER FIRULA COM A BOLA , TA JOGANDO PRA FRENTE.

    Responder
  4. alguem
    12 de agosto de 2011

    leva o ronaldinho gaucho ai
    para insinar os caras jogar

    Responder
  5. 14 de agosto de 2011

    Receita para o sucesso do BRASIL na copa fifa 2014!
    Fundamental tirar Mano Menezes e colocar Muricy Ramalho como Técnico depois vejamos a convocação ideal.

    Goleiros

    Julio César(Inter de Milão)
    Fábio(Cruzeiro)
    Victor (Grêmio)

    Laterais

    Maicon (Inter de Milão)
    Daniel Alves (Barcelona)
    Marcelo (Real Madrid)
    Kléber (Internacional)

    Zagueiros

    Lúcio (Inter de Milão)
    Thiago Silva (Milan)
    Chicão (Corinthians)
    Miranda (Atlético de Madri)

    Volantes

    Casemiro(São Paulo)
    willians(Flamengo)
    Elias (Atlético de Madri)

    Meias

    Paulo Henrique Ganso (Santos)
    Lucas (São Paulo)
    Hernanes (Lazio)
    Thiago Neves(Flamengo)
    Bruno César(Benfica)

    Atacantes

    Neymar (Santos)
    Alexandre Pato (Milan)
    Borges (Santos)
    Luan (Palmeiras)

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*