Gauchão 2011: Nos pênaltis, Grêmio elimina o Ypiranga

Após empatar em 1 a 1 no tempo nornal, Tricolor vence nas penalidades e pega o Cruzeiro na semifinal do segundo turno.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Deu Grêmio em Erechim. Depois de empatar em 1 a 1, o Grêmio contou com a trave e o goleiro Victor para vencer o Ypiranga, nos pênaltis, por 4 a 2.

O resultado classifica o Tricolor para enfrentar o Cruzeiro na semifinal da Taça Piratini, segundo turno do Campeonato Gaúcho. Quem foi ao estádio Colosso da Lagoa, em Erechim, deveria pagar duas entradas, pois viu de perto um grande jogo e uma pintura do “maestro” Douglas. Aos 23 minutos da primeira etapa, o camisa 10 tricolor recebeu a bola na intermediária, dominou e soltou uma bomba de perna esquerda. A bola acertou o ângulo direito de Luiz Carlos e estufou as redes do Ypiranga.

O golaço de Douglas não tirou o ímpeto da equipe de Erechim, que manteve a proposta de jogar em velocidade, aproveitando os buracos deixados pela defesa tricolor. Mas a equipe de Erechim, que só foi derrotada uma vez no Colosso da Lagoa neste Gauchão, só chegou ao empate na segunda etapa.

Aos 17 minutos, o atacante Cleiton puxou o contra-ataque, invadiu a área tricolor e deixou de calcanhar para o meia Giovani chutar forte, no canto direito de Victor que não conseguiu defender. O 1 a 1, levou a decisão da vaga para as penalidades. Borges abriu as cobranças e fez 1 a 0 para o Grêmio. Cleiton empatou para o Ypiranga. Na seqüência, Lúcio cobrou e Luiz Carlos defendeu. O capitão Saulo teve a responsabilidade de colocar a equipe de erechim em vantagem, mas acertou a trave esquerda de Victor.

Ai foi a vez do capitão tricolor mostrar para Saulo como se faz e Rochemback recolocou o Grêmio à frente. Frede empatou novamente, deixando uma pressão ainda maior para o meia Carlos Alberto. Só que o meia tem a experiência de cobrar pênalti em decisão de mundial de clubes e assim fez o terceiro gol do tricolor.

Se Carlos Alberto tem experiência para cobrar, Victor tem histórico de defesas. E foi assim que o goleiro da seleção brasileira pegou mais um, desta vez de Branco. A defesa proporcionou ao Grêmio finalizar a disputa na cobrança de Gabriel.

Com muita qualidade o lateral direito garantiu a vitória tricolor por 4 a 2, nos pênaltis, e manteve a chance da equipe de Renato Gaúcho conquistar a Taça Farroupilha e ser o Campeão Gaúcho de 2011, sem precisar disputar os dois jogos finais.

Agora na semifinal o Grêmio enfrenta o Cruzeiro, que venceu neste sábado, 16, o São Luiz, por 2 a 0. Como tem melhor campanha no segundo turno, o Cruzeiro tem a vantagem de jogar em casa, mas como o estádio Estrelão não tem segurança suficiente para mandar um jogo contra a dupla Gre-Nal, o jogo deverá ocorrer no Estádio Passo D’Areia, em Porto Alegre (com gramado sintético) ou no Complexo Esportivo da Ulbra, em Canoas. Outra indefinição é o dia e o horário do jogo.

FOTO: reprodução / ClicEsportes

Compartilhar

Campo Bom: Torneio Inicio marca abertura da Várzea 2011

Avançar »

Nadadora da Feevale conquista vice-liderança feminina na Travessia de Itapema

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*