Brasil e França: Amistoso para acabar com a touca

Nesta quarta-feira, no Stade de France, em Saint-Denis, Seleção Brasileira pega os franceses com a expectativa de acabar com o longo jejum.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A Seleção Brasileira, pentacampeã do mundo, realiza nesta quarta-feira, 09, às 18h, seu primeiro amistoso no ano. A equipe do técnico Mano Menezes enfrenta a França, no Stade de France, em Saint-Denis, mesmo palco da fatídica derrota, justamente para os franceses, na final da Copa da França, em 1998.

Mas o Brasil também foi derrotado, pelos “Le Bleus”, nas Copas de 1986 e 2006. Nas duas oportunidades a derrota causou a eliminação do mundial nas quartas de final. Com esses resultados a França superou Itália, Holanda e Argentina, e assumiu o posto de touca dos brasileiros. Os franceses eliminaram nossa seleção de três mundiais, enquanto italianos, holandeses e argentinos nos tiraram em duas oportunidades.

Com todo esse histórico e sem perder para o Brasil desde 1992, a renovada seleção francesa, que conta agora com o técnico Laurent Blanc, zagueiro titular na Copa de 98, entra para o amistoso com a missão de manter viva as vitórias do passado.

– É um jogo que traz boas lembranças. Espero que os jogadores também sintam essa emoção especial, afirmou o algoz de 98, Laurent Blanc.

Já o técnico Mano Menezes preferiu ponderar e não valorizar o confronto como uma revanche brasileira. Mano acreditada que as duas seleções estão em um processo de reformulação e foca no amistoso a evolução de seu trabalho.

– Penso que estamos em um estágio semelhante de construção, ainda com poucos jogos de parâmetro. Mas me parece que as primeiras amostragens são boas. Precisamos continuar avançando com atuações convincentes, com sequências de bons jogos e acompanhadas de bons resultados, que são determinantes, falou o técnico brasileiro.

Já o atacante Alexandre Pato, artilheiro da era Mano Menezes, com três gols, considera o amistoso muito importante e procura nem lembrar do passado, acredita que a história agora é outra.

– Enfrentar a França não é legal, é muito legal! Todos sonham jogar contra eles. É só um amistoso, mas para nós é um jogo muito importante. É um novo ano, novos jogadores e o passado nós tentamos não lembrar. Tenho certeza que a história vai ser outra daqui para frente, discursou Pato.

Certo mesmo é que para o amistoso desta quarta-feira, as principais novidades do técnico Mano Menezes são a entrada de Renato Augusto na armação e o retorno do goleiro Julio Cesar, convocado pela primeira vez depois da queda na Copa do Mundo de 2010. Na França, o técnico Laurent Blanc fez treinamento fechado e não divulgou sua escalação. Mas Blanc deverá manter o esquema 4-4-2, com duas linhas de quatro bem definidas.

Assim a provável escalação francesa deverá ter: Lloris; Sagna, Rémy, Mexes e Abidal; Diarra, M’Villa, Gourcuff e Menez; Benzema e Malouda.

Já Mano Menezes escala o Brasil com: Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e André Santos; Lucas, Elias, Hernanes e Renato Augusto; Robinho e Alexandre Pato.

A Rede Globo anuncia a transmissão de França X Brasil, às 18 horas (de Brasília).

Criação novohamburgo.org

Compartilhar

Noia: Grupo volta aos trabalhos focando o Grêmio e a classificação

Avançar »

Rio: Adriano se nega a fazer bafômetro e tem CNH apreendida

3 comentários

  1. Danilo Cavalcante
    9 de fevereiro de 2011

    Vamos lá Brasil!
    Mas vou torcer pela Frnaça, corro menos risco de me decepcionar!!!
    Rsrsrs
    Saluts!!!!

    Responder
  2. 9 de fevereiro de 2011

    Vai la Brasiil !!

    porra ‘DANILO CAVALCANTI’ , tu não sabe nem escrever ”FRANÇA” heein ‘kk ..

    é FRANÇA e não FRNAÇA !!!!

    deby loid !

    Responder
  3. celio
    9 de fevereiro de 2011

    sempre tem um gracinha para estraga o futebol brasileiro ne elano

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*