Grupo aberto a todas idéias

Plácido: Grupo seleciona idéias viáveis

Plácido: Grupo seleciona idéias viáveis

novohamburgo.org – Até por isto, nota-se uma preocupação com a questão ambiental no Grupo. Isto se deve a quê?

Plácido Crescente – Porque chegamos a um limite. Infelizmente, tudo na vida é finito. E chegamos a conclusão de que o planeta Terra também terá um fim se continuarmos agindo errado com a natureza. Se agirmos agora, muitas gerações mais a frente terão um mundo melhor. Eu estou planejando ser pai e quero isto para meu filho.

Estamos fazendo a nossa parte para um mundo verdadeiro, não um mundo utópico. Não vamos deixar para amanhã para limpar o arroio, para plantar árvores. E é isto que o Grupo tem se proposto a fazer, um trabalho agora.

novohamburgo.org – Para quem vê de fora, o Grupo parece um pouco fechado. Como fazer com que a comunidade saiba que as portas estão abertas?

Plácido Crescente – O Grupo Pensando Novo Hamburgo foi uma das melhores idéias já surgidas, porque lá temos o juiz, o promotor, o delegado, o prefeito, o secretário, o professor, o médico, o jornalista. É o único grupo em Novo Hamburgo que consegue agregar todos estes setores, com direito a voz e a voto, com participação financeira, através de idéias ou na execução das propostas. Já nos ligaram de Rolante para criar o Grupo Pensando Rolante, Lomba Grande queria criar um grupo próprio, mas somos uma cidade só e nós do Pensando Novo Hamburgo vamos lá.

É o único grupo em Novo Hamburgo que consegue agregar todos setores, com direito a voz e a voto.

Dificilmente alguém vai na reunião do grupo e não consegue dar a sua idéia. A única coisa que selecionamos é que as idéias sejam viáveis, porque às vezes surgem propostas maiores do que podemos fazer. Por isto que a idéia é colocada na reunião e o grupo analisa democraticamente.

O Grupo está com quatro anos e está indo para o quinto ano com a expectativa de crescer, não em número de pessoas – pois reúne às vezes 30, 40, 60 pessoas -, mas o que importa é a qualidade.

O Grupo também está sempre se renovando, alguns participaram no início e hoje não estão mais, mas podem voltar amanhã. As pessoas acabam assumindo outros compromissos e, a partir do momento que você vai quando quer e ajuda como quer, o Grupo vai se mantendo vivo assim.

novohamburgo.org – Como lidar com a crítica de que o Grupo privilegia projetos que valorizam a aparência da cidade, em detrimento a propostas preocupadas com a qualidade de vida, por exemplo?

Plácido Crescente – Esta questão é bem colocada. Acho interessante debatermos isto. É uma grande idéia para o Grupo sentar e conversar, para que possamos pensar a parte educacional e social para todo o ser humano.

Turismo
home_central_vertical