Plácido Crescente

"Temos sido exemplos para a comunidade"

"Temos sido exemplos para a comunidade"

A união faz a força

Plácido Crescente, coordenador do Grupo Pensando Novo Hamburgo, ressalta importância das parcerias para o bem da cidade

Com quatro anos de atuação, o Grupo Pensando Novo Hamburgo é uma organização formada por voluntários que se destinam a pensar e planejar ações para a melhoria da qualidade de vida da cidade.

Seu atual coordenador, o professor Plácido Luiz Crescente, ressalta que o Grupo se destaca na comunidade ao servir de exemplo. Ele acredita que quando se formam parcerias entre os poderes público e privado há melhoras significativas em uma sociedade.

Além de Plácido, a diretoria do Grupo é também composta por Leonardo Hauschild da Silveira (coordenador comunitário), Jenoildo Fragatta (coordenador social), Julio Filippini (coordenador comercial), Dione Dias de Moraes (secretária executiva) e Flaviane Scheffel (secretária adjunta).

Nesta entrevista, o coordenador do Pensando Novo Hamburgo fala das metas da atual diretoria, conta sobre os principais projetos em andamento, explica o funcionamento do Grupo e convida a comunidade a se integrar com suas idéias.

novohamburgo.org – Qual sua meta à frente do Grupo Pensando Novo Hamburgo pela segunda vez?

Plácido Crescente – O que mais temos produzido, e isto nos deixa extremamente felizes, são exemplos. Temos sido exemplos para a comunidade de que é possível fazer coisas simples, coisas que a própria comunidade pode fazer, sozinha ou com a busca de parcerias junta aos poderes, entidades e a sociedade civil. Tudo o que tem parcerias acontece.

Minha maior alegria é que a comunidade é parte integrante deste processo. Porque é muito fácil tentar resolver as coisas ligando para a prefeitura e esperando. Há certas coisas que a comunidade pode buscar, como cuidar dos arroios, separar seu lixo, enfeitar sua escola, plantar árvores na sua rua, melhorar a entrada da sua cidade. E isto o Grupo tem demonstrado.

novohamburgo.org – Quais as novidades que o Grupo prepara para este ano?

Plácido Crescente – Sempre há novidades, mas dizer o que vai ser feito é complicado. O importante é que sempre tem alguém com uma nova idéia. Estamos no décimo projeto do Pensando Novo Hamburgo, com idéias em diversas áreas, como o Planejamento Familiar, O Trem É Nosso, Sinal Vermelho, Humanização das Praças, Ruas de Novo Hamburgo, Revitalização do Verde, o SOS Rio dos Sinos nasceu lá dentro, assim como a Carga Tributária.

Nós somos convidados por várias entidades para participar de projetos, como a ACI, CDL, Sindilojas, Feevale. É isto que o Grupo tem feito, sozinho com o que consegue bancar e também através de parcerias.

Queremos que Novo Hamburgo seja a cidade mais arborizada do Rio Grande do Sul.

novohamburgo.org – Até onde vai o limite do que o Grupo pode fazer?

Plácido Crescente – O Grupo não tem limite, dentro do que for ético, bom e viável. Muita coisa se resume a planejar, a dar idéias. Uma colega nossa esteve visitando uma cidade no Paraná e trouxe uma idéia sobre uma lei que lá existe. Para cada criança que nasce lá, os pais dela recebem uma árvore para plantar.

É uma idéia simples e que vai funcionar aqui também. Já conversamos com os hospitais, a Smed talvez esteja adotando este projeto e poderemos ter em Novo Hamburgo novas árvores através desta idéia. Queremos que Novo Hamburgo seja a cidade mais arborizada do Rio Grande do Sul.

Turismo
home_central_vertical