Acolhimento de pacientes vai desafogar emergência

h1802melotto2novohamburgo.orgO atendimento da emergência vai ser melhorado?

Carlos Melotto A gente está trabalhando junto com o departamento de enfermagem a melhoria do acolhimento dos pacientes. Pensamos que o ponto inicial é a valorização destes profissionais, os quais estão 24h diretamente ligados aos pacientes. O acolhimento vai consistir em ouvir o paciente e orientá-lo para o melhor local de atendimento público, que em muitos casos podem não estar no hospital. Um encaminhamento adequado e responsável, além de dar agilidade as necessidades do cidadão ainda libera leitos e espaços no hospital, para as situações de emergências e de reais necessidades de atendimento médico imediatos.

novohamburgo.org Vai ocorrer um esforço para implantar o Programa de Saúde Familiar – PSF, em Novo Hamburgo?

Carlos Melotto Cabe a secretaria de Saúde implantar o PSF, que faz parte da proposta de trabalho do prefeito Tarcísio Zimmermann. Mas o programa está integrado as nossas ações.

A internação domiciliar deverá ser implantada no município num prazo de 60 dias

Mas enquanto isto não ocorre estamos criando uma sistemática de acolhimento que servirá para orientar os usuários sobre o atendimento. Teremos também, uma equipe de trabalho que vai passar a ir até a casa do paciente liberado pelo médico. É a internação domiciliar. O serviço está sendo estudado e dentro de 60 dias deverá estar sendo colocado em prática. O projeto já foi encaminhado ao Ministério de Saúde. Mas em dois meses queremos estar tocando tal projeto, nem que num primeiro momento, sejamos obrigados a colocar recursos próprios.

novohamburgo.org  – Qual seu maior desafio neste momento?

Carlos Melotto Elevar o Hospital Municipal a condição de um Hospital 100% mantido pelo Sistema Único de Saúde – SUS. É preciso analisar que a instituição está sendo transferida de uma condição de autarquia para fundação. Seja como autarquia ou como fundação, o Hospital tem o compromisso ético com a comunidade de priorizar o atendimento via sistema público de saúde e garantir atendimento gratuito a população.

Turismo
home_central_vertical