• Visualizações 237

Dia das Crianças 2021- Expectativas do Comércio Varejista

No próximo dia 12, é celebrado o Dia das Crianças. Uma data marcada por comemorações, alegria e a tradicional entrega de presentes. Um dia especial que também contribui para a movimentação no comércio. Em Novo Hamburgo, a expectativa de vendas é positiva para esta data, levando em conta o bom resultado das datas anteriores como o Dia dos Pais e Dia das Mães, além das liquidações. “O Dia das Crianças é sem dúvida uma data comercial difícil de ser deixada em branco e justamente por isso, tende a impulsionar as vendas no comércio no segundo semestre”, aposta Câmara de Dirigentes Lojistas de Novo Hamburgo – CDL-NH.

Segundo a diretora de Marketing e Eventos da CDL-NH, Eunice Kasper, dentro do segmento voltado para a criançada, aqueles que prometem se destacar são os setores de vestuário e calçados, além das lojas de brinquedos e eletrônicos. “Mas é claro que qualquer tipo de comércio pode, de alguma maneira, se beneficiar desta data. Para isso aposte na decoração e atrações infantis; promoções e brindes; na facilidade e formas de pagamentos, nos cuidados com a falta de estoque e na divulgação nas redes sociais”, disse Eunice.

A data caracteriza-se pelo forte apelo emocional e comercial junto ao público infantil.  Além disso, trata-se de um período de lançamentos dos produtos que serão comercializados no final do ano. A partir do dia 12 de outubro, o clima natalino passa a invadir o comércio. “Como estamos numa situação ainda atípica é importante que os empreendedores não percam os protocolos de segurança de vista e que transmitam para os clientes que estão tomando todos os cuidados recomendados”, ressalta a diretora da CDL.

A CDL-NH salienta que o comércio de modo geral está adotando todas as medidas sanitárias exigidas pela pandemia. O destaque fica para o uso obrigatório de alguns acessórios como: máscara, álcool em gel, capacidade reduzida de clientes dentro do estabelecimento e higienização. Valorize o comércio Local!

Pesquisa Nacional

A expectativa de consumo para o Dia das Crianças deste ano reforça a tendência de uma recuperação gradual do varejo. Segundo pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em todas as capitais aponta que 72% dos brasileiros devem ir às compras no Dia das Crianças. A expectativa é de que o varejo movimente aproximadamente R$ 10,93 bilhões.

Se por um lado, a alta intenção de presentear anima o mercado varejista, por outro, a expectativa de gasto do consumidor é cautelosa. De acordo com o levantamento, entre os entrevistados que vão comprar presentes, mais de um terço (36%) pretende gastar o mesmo valor que no ano passado e 31% têm a intenção de gastar menos. Já 23% pretendem gastar mais do que no Dia das Crianças de 2020.

Em média, os consumidores pretendem comprar 2,19 presentes (número que aumenta entre as mulheres). No total, o consumidor deve desembolsar R$ 200 com os presentes. A maioria pagará os produtos à vista (82%) e 38% planejam pagar parcelado. As principais formas de pagamento serão: dinheiro (45%), cartão de débito (38%) e cartão de crédito parcelado (36%). Entre os que irão dividir o pagamento das compras, o número médio de parcelas será de 4 prestações.

Fotos: divulgação/CDL

Compartilhar

Com gol nos acréscimos Santos vence o Grêmio

Avançar »

Brasil empata sem gols com Colômbia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*