• Visualizações 104

Fátima Daudt avalia ligar o bairro Canudos à BR em via de duas pistas

Conexão com a BR-116 representaria uma melhoria na mobilidade do Município.

A prefeita Fátima Daudt determinou o início de estudos para a implantação da Via Arterial que irá interligar a Rua Bartolomeu de Gusmão no bairro Canudos à BR-116, pela Avenida Sete de Setembro. A proposta está prevista no Plano Diretor do Município e representa uma importante melhoria na mobilidade. “Canudos é o bairro mais populoso de Novo Hamburgo e sua conexão com a BR através de uma Via Arterial é fundamental. Toda a cidade ganha em segurança e logística”, destacou a prefeita, após reunião com a diretora de Desenvolvimento Urbano da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Laís Carteletti.

Laís explica que a Via Arterial exige pistas duplas de 9,5 metros, separadas por canteiro central. Além da Avenida Sete de Setembro, o traçado previsto no Plano Diretor inclui a Avenida Coronel Travassos até a rótula do Centro Administrativo. Na sequência, há duas opções até a Rua Bartolomeu de Gusmão: ou seguir pela Rua Sapiranga ou pela Rua Mundo Novo. “O estudo deve apontar a alternativa mais viável economicamente, levando em conta as casas e propriedades atingidas e desapropriações”, completa Laís, destacando que deve apresentar os primeiros resultados do estudo em cerca de uma semana.

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

“Esta Via Arterial servirá também para desafogar o trânsito na Avenida Victor Hugo Kunz, distribuindo melhor o fluxo de veículos entre o Oeste e o Leste da cidade até a BR-116”, pondera a prefeita, destacando a importância da nova via para o desenvolvimento econômico da cidade.

Fátima enfatiza a necessária atenção da Administração Municipal ao bairro Canudos e seu papel de destaque para o Município. “Precisamos de uma via deste porte para ligar o bairro com a BR”, enfatiza. No trecho da Avenida Coronel Travassos, boa parte das edificações não será atingida pelo alargamento da via, já que as obras respeitaram o recuo previsto.

Foto: Lu Freitas/PMNH

Compartilhar

Transporte público de São Leopoldo pode ter reajuste de 49% no valor da passagem

Avançar »

Feevale oferece exame que detecta anticorpos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*