• Visualizações 290

STIHL atinge 100 milhões de cilindros produzidos e eterniza marca com concurso cultural entre colaboradores

Chamado de “Meu orgulho em um monumento”, a iniciativa convidou os profissionais da STIHL a criarem um projeto escultural – com medidas de 2 m por 2 m – que representasse artisticamente o marco histórico atingido.

Na sexta-feira (9), a STIHL atingiu uma marca histórica na unidade brasileira, localizada em São Leopoldo (RS): a produção de 100 milhões de cilindros – um dos principais componentes utilizados na fabricação de motores. Em comemoração a esta conquista, a empresa realizou um concurso cultural entre seus colaboradores. Chamado de “Meu orgulho em um monumento”, a iniciativa convidou os profissionais da STIHL a criarem um projeto escultural – com medidas de 2 m por 2 m – que representasse artisticamente o marco histórico atingido. 

Ao todo, 55 profissionais participaram do concurso, submetendo 36 projetos – entre desenhos a mão livre, ilustrações digitais e desenhos técnicos. Eles foram avaliados por uma comissão formada por colaboradores e lideranças da STIHL, junto com o artista plástico Valter Frasson. Dentre todas as propostas, o desenho de Rodrigo de Mello Lopes, que é projetista na área de Ferramentaria da empresa desde 2019, foi o vencedor. O projeto já foi construído no pátio da empresa e foi inaugurado nesta quinta-feira (8).

Chegar a esse número tem uma grande relevância para a STIHL. A fábrica brasileira é a principal fornecedora do item para as demais unidades do Grupo STIHL que produzem equipamentos a combustão – na Alemanha, Estados Unidos e China –, as quais exportam, juntas, para mais de 160 países. “Do total da nossa produção de cilindros, mais de 90% é distribuído às fábricas da STIHL no mundo. Em 2020, esse componente representou 45% dos itens exportados. Por conta dessa grandiosidade, estruturamos uma celebração para simbolizar o sucesso que esse resultado representa, pelas mãos dos seus responsáveis: nossos colaboradores. São eles a parte essencial de conquistas como esta e, por isso, estamos eternizando suas contribuições em um monumento na empresa”, afirma o presidente da STIHL Brasil, Cláudio Guenther. Para seguir essa trajetória, aproximadamente R$ 374 milhões serão investidos na fábrica de São Leopoldo (RS) em 2021. Segundo Guenther, o foco da aplicação será o aumento da capacidade de produção e a modernização do parque fabril, para desenvolver cada vez mais produtos com qualidade e tecnologia de ponta.

Compartilhar

Calçados Beira Rio S.A reinaugura fábrica em Mato Leitão

Avançar »

Estátua de Cristo em Encantado supera a do Rio de Janeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*