• Visualizações 140

Cultura lança edital para Canudos e Santo Afonso; CUFA será a entidade interlocutora com o setor

Por meio do Edital Ações Culturais das Comunidades, premiado pela Secretaria de Estado da Cultura (Sedac), a Central Única das Favelas (CUFA) fará a seleção de agentes e iniciativas culturais nos bairros Canudos e Santo Afonso. Na manhã da última sexta-feira, 15 de janeiro, o secretário municipal da Cultura, Ralfe Cardoso, o diretor municipal de Cultura, Alex Lassakoski, o diretor do Gabinete de Gestão Integrada, Claiton Silva, e o diretor do Programa de Prevenção à Violência, Mauro Silva, estiveram reunidos com o representante da CUFA, Eduardo Cardoso, para conversarem sobre a aplicação do projeto em Novo Hamburgo, que será um dos 23 municípios que receberão os recursos do edital.

Realizado por meio da Chamada Pública nº 13/2020, o edital Ações Culturais das Comunidades é uma parceria do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Cultura (Sedac), Associação de Desenvolvimento Social do Norte do RS (ADESNRS), CUFA Frederico Westphalen e CUFA RS. A Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos será parceira na mobilização e capacitação nas comunidades. Este edital integra os esforços do Estado na aplicação da Lei Aldir Blanc, destinando os mais de R$14 milhões em recursos para 23 municípios e 63 comunidades que integram o Programa RS Seguro. Em Novo Hamburgo, o projeto será aplicado nos bairros Santo Afonso e Canudos.

A iniciativa, que integra o programa RS Seguro, busca alcançar as pessoas e coletivos que atuam na economia da Cultura e que de alguma forma não conseguiram acessar os demais editais de chamamento público culturais aplicados em âmbito municipal, como os editais da Lei Aldir Blanc e das Ações Emergenciais de combate à pandemia da covid-19. O objetivo principal é valorizar a cultura nos bairros Santo Afonso e Canudos, visando descomplicar o acesso aos editais para promover o acesso cultural nestas comunidades.

“O objetivo é alcançar as pessoas que não possuem um grande conhecimento em informática, ou que por alguma razão não conseguiram organizar um portfólio bacana para participar dos editais municipais. Também há o caso de pessoas que ficaram com medo da prestação de contas exigida, e o nosso foco é descomplicar para essas pessoas também poderem contar o recurso de editais”, explica Eduardo Cardoso.

As inscrições abriram às 15h da sexta-feira, 15 de janeiro, e se estendem até as 23h59 de 15 de fevereiro de 2021, uma segunda-feira. Para realizar a sua inscrição e buscar mais informações sobre o projeto, você pode acessar o site: www.acoesculturaiscomunidades.org. Outras formas de realizar as inscrições são através do e-mail acoesculturaisdacomunidade@gmail.com, pelo WhatsApp (21) 92043-7600, ou diretamente com os agentes e parceiros locais nas 63 comunidades.

Duas categorias estarão disponíveis para o inscrito: a modalidade de pessoa física pagará R$ 2.000,00 por projeto inscrito, via cartão pré-pago em uma parceria com o Banco Santander, e as modalidades de coletivos, com duas ou mais pessoas. Coletivos informais são os que não possuem CNPJ, e para estes serão destinados até R$ 5.000,00 em verbas. Os coletivos formais são os que possuem CNPJ, e para estes serão destinados R$ 10.000,00. A verba inicial prevista é de R$ 170.000,00. Ressalta-se que o proponente não precisa residir nos bairros Canudos ou Santo Afonso, mas precisa executar algo voltado a estes bairros. As propostas inscritas neste edital serão examinadas por um grupo formado por 61 jurados, organizado pela CUFA. As médias mais altas serão as aprovadas.

Para o secretário municipal da Cultura, Ralfe Cardoso, a inclusão de Novo Hamburgo nessa etapa estadual é resultado da articulação das políticas públicas nas áreas de Cultura e Segurança. “Será importantíssimo o acesso a mais esse recurso proveniente da Cultura. Teremos mais artistas locais reconhecidos e, portanto, atuando com ainda mais energia em nossa cidade”, detalha Ralfe.

Compartilhar

Caixa paga abono salarial para nascidos em janeiro e fevereiro

Avançar »

Médica é a primeira pessoa vacinada contra a covid em Novo Hamburgo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*