• Visualizações 695

Policial civil morre durante operação em Gravataí

Um policial civil morreu ao ser baleado na cabeça, na manhã desta sexta-feira, 23 de junho em Gravataí. Ele cumpria um mandado judicial durante uma operação contra o tráfico de drogas em um condomínio popular. A vítima é o escrivão de polícia Rodrigo Wilsen da Silveira, de 39 anos.

A operação era coordenada pela 2ª Delegacia de Polícia da cidade. Conforme o titular da Delegacia Regional Metropolitana, delegado Volnei Fagundes Marcelo, Silveira foi recebido a tiros ao entrar no apartamento, com mais seis agentes, entre eles a esposa, que também é policial civil. Ele foi atingido por um tiro na cabeça. A suspeita é que o disparo tenha sido efetuado por um homem de 25 anos, que estava em um dos quartos do apartamento com mais duas pessoas. Após o disparo, os agentes revidaram e houve troca de tiros. Os cinco integrantes do grupo foram presos.

Silveira foi socorrido e levado pelos colegas para o Hospital Dom João Becker, mas não resistiu aos ferimentos. No apartamento foram apreendidos um revólver e uma pistola, além de uma quantia em drogas.

Compartilhar

1ª Edição do Open Novo Hamburgo Skate Street ocorre no domingo

Avançar »

Grêmio é superado pelo líder, mas segue na briga no brasileirão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*