• Visualizações 739

Suspeita por atear fogo no irmão é presa em Canoas

Na terça-feira (13), policiais da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Canoas (DPHPP) prenderam preventivamente uma mulher, de 50 anos, suspeita por homicídio ocorrido no dia 22 de abril deste ano. A prisão ocorreu no bairro Guajuviras, em Canoas. A presa possui antecedentes por furto e perturbação da tranquilidade.

Segundo o delegado Luís Antônio Reis Firmino, durante as investigações foi apurado que a mulher teria se desentendido com o irmão em um evento de família e, antes de ir embora do local, teria ateado fogo na vítima, que estava dormindo no sofá. A vítima foi socorrida, mas morreu 15 dias após os fatos.

Fonte: DPHPP/Canoas

Presa – Foto: Polícia Civil

Compartilhar

Receita Estadual deflagra operação contra empresas que sonegaram mais de R$ 120 milhões em ICMS

Avançar »

Novo Hamburgo pede reforço na segurança

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*