• Visualizações 621

CPI da AES Sul tem sua primeira reunião realizada na Câmara

Vereadores se encontraram para debater os primeiros passos da CPI. Luis Fernando Farias (PT), autor da iniciativa, foi quem conduziu os trabalhos. Os próximos encontros também serão realizados as sextas, a partir das 9 horas.

Da Redação (redacao@novohamburgo.org) (Siga no Twitter) 

Nesta sexta-feira, dia 21, ocorreu o primeiro encontro da CPI sobre os serviços prestados pela AES Sul do município na Câmara Municipal de Novo Hamburgo. O vereador Luis Fernando Farias (PT), autor da iniciativa, foi quem conduziu os trabalhos.

Segundo Farias, esta CPI não será de caráter político e que no andamento das investigações, será necessário fazer uma vistoria dos serviços executados e dos equipamentos pertencentes à AES Sul, incluindo os postes. “A comissão terá caráter eminentemente técnico. O principal objetivo, na minha opinião, é que não esqueçamos do que aconteceu depois de alguns dias e esperemos o próximo temporal para lembrar que temos de fazer alguma coisa. Que possamos, no final da CPI, ter medidas preventivas, por parte da concessionária, para que isso não aconteça mais”, disse. “Claro que vamos nos ater a documentos solicitados, mas também teremos de realizar um trabalho de campo. Queremos deixar para a cidade uma ação eficaz, que traga resultados concretos”, completou. Já a então nomeada relatora da CPI, Patrícia Beck (PTB), salienta esperar que os cidadãos percebam, ao fim dos trabalhos, uma melhoria nos serviços prestados.

Os outros parlamentares que estão na comissão também externaram suas opiniões. Para Antonio Lucas (PDT) a ideia da CPI não ter caráter político é válida. Ele disse que será preciso definido com clareza todas as obrigações da concessionária e do Poder Executivo do Município. Sergio Hanich (PMDB) ressaltou que este é o começo da moralização dos serviços prestadosem Novo Hamburgoe que esta CPI sirva de exemplo para outros órgãos da cidade. Jorge Tatsch (PPS) disse que a CPI será importante para que a companhia de energia da cidade aprenda a respeitar seus clientes. Issur Koch (PP), que foi nomeado secretário da comissão, salientou a importância de se criar algumas metas e prazos para a CPI. Os próximos encontros também serão realizados as sextas, a partir das 9 horas.

Informações de CMNH
Foto: Reprodução / Jorge Boruszewsky

Compartilhar

Mais de 50% das empresas abertas em Novo Hamburgo em 2013 pertencem a área de serviços

Avançar »

Sol predomina nesta segunda, mas estão previstas pancadas na região

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*