• Visualizações 476

Termina nesta quarta-feira período para votar na Consulta Popular pela internet

Recursos que Novo Hamburgo receberá do orçamento estadual dependem de quantas pessoas participarem – para isso, basta ter título de eleitor. São 20 opções de demandas e cinco de prioridades estratégicas. 

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Esta quarta-feira, 07, é o último dia do seu voto decidir onde os recursos estaduais serão aplicados na nossa cidade – e o quanto. Além dos 200 locais com urnas disponíveis no município, a Consulta de Participação Popular e Cidadã de 2013, do governo do Estado, também aceita votos pela internet até às 23h59min. A lista de locais com urnas também pode ser consultada no site do sistema.

A quantidade de recursos que a cidade receberá depende de quantas pessoas participarem – para isso, basta ter título de eleitor: os votos influenciam diretamente na proporcionalidade da divisão dos investimentos do orçamento estadual. São 20 opções de demandas, das quais o hamburguense vota em quatro, e cinco de prioridades estratégicas, sendo possível escolher duas. As áreas foram definidas em assembleia realizada no dia 20 de junho, na Câmara Municipal.

Há ainda questões sobre a reforma política. Os eleitores são questionados sobre serem favoráveis ou não à reforma, a maneira como deve ser feita, o financiamento de campanhas eleitorais e sobre quais temas são considerados mais importantes.

Demandas 

Saúde

– Gestão, financiamento e infraestrutura do Sistema Único de Saúde – SUS

Desenvolvimento social e erradicação da pobreza

– Programa estadual de gestão da política de segurança alimentar e nutricional sustentável

– Emprego, trabalho e renda

Cidadania, justiça, direitos humanos e políticas para as mulheres

– Garantia de direitos humanos e promoção da cidadania

– Qualificação e fortalecimento rede de atendimento às mulheres em situação de violência

– Direito das pessoas com deficiência

– Programa de combate ao uso indevido de drogas

Segurança pública e defesa civil

– Prevenção e repressão à criminalidade

Habitação, desenvolvimento urbano e saneamento

– Regularização fundiária

– Mais saneamento para o Rio Grande do Sul

– Desenvolvimento metropolitano e municipal

Educação básica, profissional e técnica

– Equipamentos/mobiliários básicos e de qualificação dos espaços escolares

Meio ambiente

– Gestão ambiental integrada

Esporte, lazer e turismo

– Infraestrutura e equipamentos turísticos (sinalização turística)

– Desenvolvimento do esporte e do lazer

Combate à violência no trânsito

– Educação para segurança no trânsito

Desenvolvimento econômico

– Apoio às áreas e/ou distritos industriais municipais

– Desenvolvimento da política de promoção comercial

– Pesquisa, desenvolvimento e inovação aplicados à indústria e serviços

– Programa de apoio ao desenvolvimento da economia solidária

Prioridades estratégicas

– Educação básica, profissional e técnica (ampliação de vagas para o Ensino Médio, Técnico e Profissionalizante)

– Meio ambiente (educação ambiental na bacia do Rio dos Sinos)

– Desenvolvimento econômico (apoio às redes de cooperação, economia solidária, APLs e parques tecnológicos)

– Segurança pública e defesa civil (policiamento especializado, centro de treinamento de emergências e cerca eletrônica)

– Saúde (hospital materno infantil regional)

Com informações de Imprensa PMNH

FOTO: reprodução

Compartilhar

Em SP, réus começam a ser julgados após seis anos do acidente da TAM

Avançar »

Obras da ponte da Avenida dos Municípios deve começar em 60 dias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*