• Visualizações 473

Dia da Liberdade de Impostos: Eventos marcam fim do período em que brasileiro trabalha para pagar tributos

Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha promove palestras para orientar sobre quantidade de impostos embutidos em ações.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O Dia da Liberdade de Impostos, comemorado nesta sexta-feira, dia 25, conta com uma série de palestras em Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha, que marcam o fim do período em que o contribuinte brasileiro deixa de trabalhar apenas para pagar tributos.

Leia Mais

ACI promove ação para conscientização de alunos sobre arrecadação de impostos

O cálculo do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário – IBPT é de que o valor médio recebido pelo trabalho de cerca de cinco meses equivale ao que cada cidadão paga de taxas todo o ano, uma média próxima de 40% dos seus vencimentos.

A Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha – ACI-NH/CB/EV programou várias conversas em escolas dos três municípios que a entidade abrange. A intenção é reforçar uma ação que deu resultados positivos na edição do ano passado e transmitir orientações do quanto de impostos estão embutidos em cada ação que se faz e em todos os produtos consumidos, de acordo com o vice-presidente Geovane Schell.

PRATO PRINCIPAL – O arquiteto e urbanista Fernando Bertuol (foto), presidente da Associação da Classe Média – Aclame, palestra nesta sexta no Prato Principal, reunião-almoço promovida pela ACI, também em função do Dia da Liberdade de Impostos.

A evento ocorre às 11h45min e abordará o tema A Consciência Tributária e o Dia da Liberdade de Impostos: Lutas e Expectativas. As presenças podem ser confirmadas pelo telefone 2108-2108, ramal 2129, ou pelo e-mail eventos@acinh.com.br.

Informações De Zotti Comunicações

FOTO: divulgação / De Zotti

Compartilhar

Caxias decide denunciar Inter pela escalação de Oscar na final do Gauchão

Avançar »

Dia Mundial Sem Tabaco: Brasil registra gasto de R$ 21 bilhões com tratamento de fumantes em 2011

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*