• Visualizações 580

Politica de atendimento à pessoas com doenças raras é criada pelo Ministério da Saúde

Publicada no Diário Oficial da União, politica tem como foco reduzir a mortalidade que ocorre através destas doenças raras e contribuir para melhorar a qualidade de vida dos pacientes.

Da Redação (redacao@novohamburgo.org) (Siga no Twitter) 

Nesta quarta, dia 12, a Portaria do Ministério da Saúde publicou no Diário Oficial da União uma Politica Nacional de Atenção Integral às Pessoas com Doenças Raras criando assim, incentivos financeiros de custeio ao setor.  É considerada doença rara enfermidades que afetem em um grupo de 100 indivíduos no máximo 65 pessoas.

O objetivo da politica é de reduzir a mortalidade que ocorre através destas doenças raras, além disso, contribuir para melhorar a qualidade de vida dos pacientes através de prevenção, ações de promoção, tratamento oportuno, cuidados paliativos, detecção precoce e tratamento oportuno.

Segundo o Ministério da Saúde, esta organização da rede de atendimento para diagnóstico e tratamento de pacientes que contraíram alguma doença rara. Vale ressaltar que as doenças serão estruturadas por eixos e posteriormente classificadas de acordo com seu aspecto.

Informações de Agência br

FOTO: reprodução / diogojanuario.blogspot.com

Compartilhar

Crianças e adolescentes têm tratamento definido contra o HIV de acordo com novo protocolo

Avançar »

Convênio Dengue é mantido na cidade Novo Hamburgo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*