inter_fabio_koff
  • Page Views 1054

Gauchão 2010: Inter confirma favoritismo, vence Fábio Koff, e agora tem Gre-Nal na final

Com gols de Bolívar, Edu e D’Alessandro colorado fez 3 a 2 no Pelotas de virada no Estádio Beira-Rio e comemorou o segundo turno da competição. Na final enfrenta o Grêmio.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

É Campeão! Fábio Koff é do Inter, de novo. Pelo segundo ano consecutivo, a taça que leva o nome do ex-dirigente gremista fica mais vermelha. Só que na tarde deste domingo, dia 18, no Estádio Beira-Rio, os colorados foram do inferno ao céu em 90 minutos.

Antes do grito de alegria, ecoava das arquibancadas um sonoro “burro, burro…” para o técnico Jorge Fossati. Tudo porque para vencer o segundo turno do Gauchão 2010 o time do uruguaio saiu perdendo por 2 a 0 para o Pelotas e teve que suar a camisa para virar. No final, 3 a 2 e a vaga na final do estadual contra o Grêmio garantida.

O Lobão veio à Porto Alegre disposto a devorar o “chapéuzinho vermelho”. A estratégia do técnico Beto Alemeida foi se passar por bonzinho para atrair a presa. Deu certo durante quase 45 minutos. No primeiro tempo os pelotenses abriram vantagem com dois gols de Clodoaldo em lancamentos de Alex Dias. Os donos da casa descontaram no final com Bolívar, depois de cobrança de escanteio de Andrezinho.

Na segunda etapa, o chapéuzinho vermelho se rebelou. Fossati promoveu a entrada de titulares que poupara no início e viu sua estrela brilhar. Edu fez o gol de empate e D’Alessandro garantiu a virada. Walter também entrou e infernizou a zaga do Pelotas, que no segundo tempo de lobo não teve nada. Sem força física, foi presa fácil.

FINAIS - Agora, serão dois Gre-Nais decisivos, o que não ocorria no estadual desde 2006. O primeiro é no próximo domingo, 25, no Beira-Rio. O jogo de volta está marcado para o2 de maio, no Olímpico, já que o Tricolor teve melhor campanha. Em 2010, houve apenas um clássico, com vitória vermelha por 1 a 0, no dia 31 de janeiro, em Erechim.

Antes de decidir o Campeonato Gaúcho, no entanto, Grêmio e Inter têm outras “finais”. Na quarta-feira, 21, os gremistas vão à Florianópolis defender a vantagem de 3 a 1 sobre o Avaí para passar às quartas-de-final da Copa do Brasil. No dia seguinte será a vez do Inter brigar por uma classificação. Precisa vencer o Deportivo Quito, em casa, para ir às oitavas-de-final da Libertadores.

Ficha do Jogo:

Internacional (3): Abbondanzieri, Bolívar, Sorondo e Fabiano Eller; Glaydson, Sandro, Giuliano (Walter), Andrezinho (D’Alessandro) e Kleber; Taison (Edu) e Alecsandro. Técnico Jorge Fossati.

Pelotas (2): Jonatas, Jonas, Bruno Salvador e Jonathas Costa (Maurício); Maurinho, Gavião, Jucemar, Maicon Sapucaia e Dick; Clodoaldo e Alex Dias (Sandro Sotilli). Técnico: Beto Almeida.

Gols: Clodoaldo, aos 29 e 39, e Bolívar, aos 42 minutos do primeiro tempo; Edu, aos 29, e D’Alessandro aos 36 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Jucemar, Bruno Salvador (Pelotas); Fabiano Eller (Inter).

Estádio: Beira-Rio. Data: 18/04/2010. Árbitro: Carlos Simon. Auxiliares: José Eduardo Calza e Vilmar Burini.

FOTO: reprodução / internacional.com.br

Share This Article

Calçados produzidos na Fimec 2010 vão para doação em Campo Bom

Next Story »

Campo Bom: CVCSB promove 11ª edição do Bazar Social

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo