Debate político em destaque no Twitter

Hoje tivemos a comprovação que a escolha do nome #Retweet para esta coluna faz muito sentido. O fato de a hashtag #confioemdilma estar o dia todo nos Trending Topics do Brasil no Twitter mostra o que já vínhamos destacando na quarta-feira: as pessoas ainda se importam.

A situação é espelho da expectativa (muitas vezes até irônica) de que a presidente Dilma Roussef vete o novo Código Florestal, aprovado na terça-feira pela Câmara dos Deputados. Aprovação esta que repercutiu na imprensa estrangeira, por sinal. O The Independent, da Grã-Bretanha, intitulou sua matéria que trata do assunto de “Corte e queima: Brasil rasga a lei que protege as suas florestas”.

Acompanhando as mensagens, cheguei a ler que a importância da tal hashtag é expressar a opinião para a sociedade. Há aqueles usam de todo o seu direito de liberdade de expressão e criticam a permanência do #confioemdilma na lista de assuntos mais comentados. Usam um maiúsculo não na frente. Estão, mesmo assim, descrevendo opinião em relação a uma importante pauta da política do país.

Usado ironicamente ou não, é no Twitter que se tem comentado questões como o próprio Código Florestal, a situação do ministro Palocci e a suspensão da produção do “kit gay”. Um espaço de interação, opinião, debate. Assim como esta coluna.

Comentários

  1. Anderson Haubenthal diz:

    Realmente impressionante a repercussão dessa Lei. De um lado ruralistas comemoram e de outro ambientalistas repudiam. Dois extremos longe de um consenso. Desavenças como estas que acabam atrasando as decisões e o crescimento do país. Como a opinião é livre, me posiciono a favor dos ruralistas. Mas acho que a Floresta Amazônica deveria ter uma lei específica para sua manutenção. Diferenciando assim áreas de plantio e áreas de preservação.

Deixar uma Resposta

*